segunda-feira, 11 de janeiro de 2010

"TODO MUNDO JUNTO DHU FOR FAN E CICLOTURISMO ADVENTURE" - Águas de Lindóia


Foi mesmo uma maravilha! A galera da Four Riders Racing e da Top Bike All Styles e do Mundo X-Terra, juntas, organizaram nos dias 9 e 10 de janeiro último uma corrida comemorativa, ou seja "TODO MUNDO JUNTO DHU FOR FAN E CICLOTURISMO ADVENTURE", em Águas de Lindóia, que juntou bikers amantes do DownWill Urbano e a turma adepta ao cicloturismo.

Desde as 9 horas da manhã os BIKERS de ATITUDE, despencavam morro e escadaria abaixo, para o delírio da galera que assistia a ousadia desta turma fera. Tudo muito bem organizado, fiscais pra todo lado e a turmas descia a milhão.

Alguns tomavam uns "capotes" básicos, mas tombos nesta modalidade de esporte, é quase uma normalidade.

Deve-se registar que os membros da FPMTB (Federação Paulista de Mountain Bike) supervionava tudo o que estava acontecendo para a tranquilidade de todos dos que la estiveram

Para homenagear a turma fera, abaixo está registrado em um VIDEO CLIP IRADO, a capacidade deste ousados pilotos de ATITUDE, que fazem miséria em cima de uma bike:


Agora, fragantes, pódio e listagem de classificação:




CICLOTURISMO ADVENTURE

Bem, agora a história é outra, pois Cross-Country é a minha praia. Então, como eu ia dizendo, lá estava eu filmando e fotografando as feras do DHU, quando me dei por conta, a galera do CICLOTURISMO ADVENTURE já tinha partido.

Atônito, perguntei para um biker que estava no pórtico e soube que ambos havíamos ficado para trás.

Como é fácil perguntar por um bando de ciclistas, facilmente alcançamos os retardatários, bem como vimos um furgão da "Bebidas Jota Efe", que ao que parecia dava apoio ao grupo e um moto-batedor usando um colete amarelo para chamar a atenção de todos os bikers que estávamos em boas mãos.

Estávamos a 4 km do ponto de partida e só havíamos subido. Naquele ponto, nos encontrávamos ao lado de um Haras; eram cavalos e cavaleiros que não acabavam mais.

Neste momento me dei conta que no furgão, pela gentileza do senhor Henry, dono da indústria desta marca de refrigerante, havia água com e sem gás, e claro, muito, mais muito refrigerante geladinho.

Ali, entre alguns conhecidos e muitos bikers desconhecidos, mas que já davam indicação de serem bons camaradas conheci o Will e seu filho, uma dupla do barulho. Ele porque além de pedalar bem, falava sem parar e o garoto por teimar em pedalar sem o capacete obrigatório.

No grupo estavam três garotas, mas uma moça chamada Camila (que, inclusive, é secretária da FPMTB), despertou a atenção de todos, porque ela subia forte e despencava barranco abaixo de forma alucinante, não dava para alcançar a danada. Inclusive o Ximboca, um dos organizadores do evento, convidou-a a abandonar o XC e entrar para o DH. Acho que a Camila leva jeito.

Além das belas paisagens, outro fator marcante nos 32 km de pedal, foram as fortes descidas e, por conseguinte, as duras subidas, ou seja, nós também estávamos fazendo um Downhill básico, com direito a Upwill, sem dó nem piedade. Isso porque na região trecho plano e acidente da natureza. Era só descida irada e subida de doer as canelas. De quebra, estava um sol de "rachar o coco".

Para que se tenha uma idéia, nos final do percurso, nos últimos 5 km, muitos de nós tivemos que fazer o amaldiçoado "empurra bike", pois o cansaço já tinha tomado conta da galera feliz.

Finalizando, um dos organizadores, o Glauber (do Mundo X-Terra) no comando de uma das motos, sempre solicito, orientou a galera, carregou os mais cansados e com os demais companheiros, garantiu nosso suave e duro Cicloturismo, dependendo da condição física da meia centena de bikers que prestigiaram o evento.

Em suma, que venham outros!

Finalmente, uma super seleção de fotos, para serem vistas, copiadas ou repassadas, conforme o gosto dos participantes: