domingo, 7 de fevereiro de 2010

SuperFinal - Downhill Escada de Santos: Filip Polc e Luana Oliveira são coroados no Monte Serrat

Wallace Miranda, que havia marcado o melhor tempo na semifinal, foi o terceiro colocado

Depois de deixar a Europa em um dos invernos mais intensos dos últimos anos, o eslovaco Filip Polc chegou ao Brasil para enfrentar o forte calor da Baixada Santista e grandes pilotos brasileiros e internacionais na 8ª edição da Descida das Escadas de Santos. Na Superfinal deste domingo (7), o competidor foi o único a baixar o tempo do percurso de um minuto - fechou em 59s152 -, o que lhe garantiu a primeira posição e o recorde absoluto do maior torneio de Downhill Urbano do país.

A prova - transmitida ao vivo pela TV Globo - foi realmente emocionante. A segunda posição ficou para o australiano Mick Hannah, com a marca de 1min00s158, seguido pelo brasileiro Wallace Miranda, que finalizou com 1min00s251. O catarinenses Doron Cattoni (1min01s007) e Markolf Berchtold (1min01s456) fecharam os cinco primeiros.

Com 27 anos, Polcster, como é conhecido o novo campeão da Superfinal, se mostrou muito satisfeito por ter vencido uma competição tão difícil. "Estou muito feliz. Essa é minha primeira vez em Santos, alguns já participaram oito vezes, e hoje eu venci. Nos primeiros dias, meu tempo era aproximadamente 1min17s, e hoje fiz menos de um minuto. Toda a competição foi muito legal, bem estruturada, com cobertura da imprensa e publicidade. E a energia que o público passa é demais, depois de um bom salto você pode ouvir a empolgação de todos", garantiu Polc, que foi o segundo colocado na semifinal, também realizada neste domingo, com o tempo de 1min00s208 - apenas a oito milésimos de segundo atrás de Wallace, que teve a melhor marca antes da Superfinal.

Bicampeão da prova, o piloto de Aparecida, de 24 anos, esperava o título, mas ressaltou o nível técnico apresentado pelos pilotos. "Durante o primeiro treino de hoje estava um pouco nervoso, mas depois foi tudo bem. Estou triste por não conseguir o tricampeonato esse ano, mas satisfeito por competir de igual para igual com os estrangeiros. Eles estão entre os cinco melhores do mundo, então, o nível é bem alto", analisou Wallace. "A pista está mais rápida e eu consegui melhorar meu tempo. Mas valeu muito pelo evento, toda a estrutura e a festa, isso foi legal", completou.

Complentando suas opiniões, Wallace Miranda consede entrevista exclusiva ao ATIVO.COM e ao Blog do Professor Arnaldo:




Mick Hannah, australiano de 26 anos e segundo colocado na competição, também elogiou o evento e prometeu retornar para as próximas edições. "Hoje foi muito bom, estou bem feliz. Apesar de ter cometido alguns erros durante minha descida, fiz um bom tempo. Espero voltar no ano que vem e me divertir como eu fiz nesse fim de semana".

Na categoria feminina, apesar de todos os problemas enfrentados desde a sexta-feira (5), que incluíram dois pneus furados e panes no câmbio da bicicleta, Luana Oliveira venceu as adversidades e conquistou o bicampeonato. Com o tempo de 1min14s005 - cerca de quatro segundos abaixo de seu tempo de ontem -, a piloto natural de Itu, no interior de São Paulo, garantiu o título à frente da estadunidense Melissa Buhl e da brasileira Vanessa Azevedo, respectivamente.

"Estou impressionada com o resultado. Depois do azar de ontem, hoje foi tudo ótimo. Fui dormir tensa, cansada e com o corpo muito dolorido. Foi uma prova de superação. Eu cometi um erro no início da volta e acho que meu tempo poderia ser melhor e é o que eu espero para o ano que vem. Baixei minha marca em quatro segundos em comparação a 2008, a única prova que participei aqui em Santos e também tive o privilégio de vencer", falou a competidora de 18 anos.

Na segunda posição, Melissa marcou o tempo de 1min16s004, seguida por Vanessa (1min19s855), Daniela Zammataro (1min27s207) e Bruna Ulrich (1min45s052). "O dia hoje foi muito bom e divertido. Óbvio que todo mundo quer vencer, mas a Luana estava muito rápida. Estou satisfeita com o meu resultado. É minha quarta participação e cada vez a pista está cada vez melhor e as meninas mais rápidas. Adoro competir no Brasil", narrou a vice-campeã.

Já Bruna lamentou os problemas enfrentados com o equipamento na Superfinal, que resultaram na quinta posição. "Fiquei frustrada. O pneu furou logo na primeira reta. Estava muito confiante e tranqüila e acreditava que poderia baixar meu tempo. Ontem eu estava fazendo uma volta muito boa, com tempo que seria inferior ao da minha volta mais rápida, que foi a melhor do sábado, mas o pneu furou no final", completou a piloto de 19 anos, que conquistou a melhor marca do sábado entre as mulheres, com 1min16s207.









Confira o resultado final da categoria Elite Masculina:
1. Filip "Polcster" Polc (Eslováquia) - 59s152
2. Mick Hannah (Austrália) - 1min00s158
3. Wallace Miranda (Aparecida, SP) - 1min00s251
4. Doron Cattoni (Timbó, SC) - 1min01s007
5. Markolf Berchtold (Schroeder, SC) - 1min01s456
6. Leandro "Kbelinho" Campovilla (Louveira, SP) - 1min02s308
7. Antonio Leiva (Chile)- 1min02s508
8. Felipe Moraes (São Sebastião, SP) - 1min03s057
9. Brendon Fairclough (Inglaterra) - 1min03s209
10. Gabriel Oliveira (Pindamonhangaba, SP) - 1min04s204

Wallace Miranda, que havia marcado o melhor tempo na semifinal, foi o terceiro colocado
A classificação da Elite Feminina
1. Luana Oliveira (Itu, SP) - 1min14s005
2. Melissa Buhl (Estados Unidos) - 1min16s004
3. Vanessa Azevedo (São Paulo, SP) - 1min19s855
4. Daniela Zammataro (São Paulo, SP) - 1min27s207
5. Bruna Ulrich (Ibirama, SC) - 1min45s052


Logo após o término do Downhill Urbano Descida da Escada de Santos - Monte Serra, Marcelo Coeho, organizador do Mega-evento, é entrevistado pelo Professor Arnaldo:



Finalmente, seleção de fotos da Super Final: