sexta-feira, 19 de novembro de 2010

As glórias e os dramas de Herique Avancini, atleta profissional de XCO


O que acontece ao longo de um ciclo anual de um atleta profissional é muito mais do que competições, treinos, viagens, vitórias e derrotas. Aprendizado, frustrações, planejamento... Enfim, um emaranhado de situações acontece na vida de um ciclista, aliás, de qualquer atleta.

Algumas particularidades ficarão restritas ao próprio atleta, com certeza, porém, lições importantíssimas e valiosas esses verdadeiros guerreiros tem a nos ensinar.

Pensando nisso, o jovem e experiente (pouco mais de 20 anos e muita bagagem) atleta profissional Henrique Avancini fez um vídeo com um resumo da sua temporada 2010. Ele relata a sua segunda temporada como atleta de uma equipe profissional UCI de Mountain Bike (o primeiro e único atleta brasileiro) e faz uma cronologia do ano.

De cara a mudança de treinador, o Professor Helio Souza da HE Treinamento Esportivo, que lhe proporcionou uma condição melhor para enfrentar os pilotos europeus.

Um “início bombástico e surpreendente” ciclo de competições no exterior com grandes resultados, principalmente durante a Cyprus Sun Shine Cup, que é um dos campeonatos de maior repercussão na Europa, chegando a competir 18 provas em 8 semanas.

Depois o primeiro retorno ao Brasil para a disputa da Copa Internacional de Mountain Bike, a preparação para o campeonato Panamericano da Guatemala, a exorbitante quantidade de competições disputadas.

Na sua segunda volta ao Brasil a decepção de não subir ao pódio no Campeonato Brasileiro de XCO, por escolha equivocada dos pneus para encarar uma lama daquelas.

Agora, um vídeo muito legal que aproxima o grande público da rotina de um atleta profissional de Mountain Bike, de primeiro quilate, tal qual Henrique Avancini: