quarta-feira, 6 de julho de 2011

Magnífico o primeiro debate “A mulher e a bicicleta” promovido pela SHIMANO LATIN AMÉRICA

O primeiro da sequência quatro debates que está sendo promovido pela SHIMANO LATIN AMÉRICA na Casa das Rosas em São Paulo, apresentou marcante explanação, que em síntese causou enorme satisfação entre o público que superlotou uma sala do belíssimo casarão localizado na Av. Paulista. O Ciclo-Debate teve duração de 1h30 e contou com a presença de Claudia Franco e Vanessa Cabral da empresa Ciclofemini, bem como da Srta. Aline Cavalcanti representando a Pedalinas.org, que relataram experiências relevantes sobre o tema “A mulher e a bicicleta”, além da presença de um mediador da SHIMANO.

Segundo à Ciclofemini o mundo mudou porque sempre esteve em evolução e em constante mudança. A diferença nos dias de hoje é a velocidade com que estas mudanças ocorrem. O Ciclo é cada vez mais curto e mais ágil e a relação tempo e espaço está renovada. A mulher integrada com a bicicleta e com o meio ambiente tornam-se agentes de mudança da sustentabilidade e ciclabilidade das cidades.

“A partir do momento que resolvi andar de bicicleta e entrar para o mountain bike, tive que superar tantos desafios que quando percebi eu já era uma nova mulher, um ser humano muito melhor, mais equilibrado e feliz. Feliz comigo mesma e com a vida que abracei a partir da criação do CicloFemini, hoje sei que somos resultado de todas as nossas escolhas. Nesta minha jornada espero inspirar e motivar pessoas na busca de seu desenvolvimento pessoal.”, explanou Claudia Franco, empresária e fundadora do CicloFemini, logo na abertura dos trabalhos.



"Ao dominar a bicicleta, seja para subir uma simples guia no meio da cidade, ou conquistar uma montanha em um cenário maravilhoso, a mulher se reconecta com sua essência, com sua força de alma. Como consequência direta, ela se sente mais viva, mais segura e capaz, mais conectada e pronta para aprofundar relações interpessoais e com o meio ambiente” complementou Vanessa Cabral, psicóloga e terapeuta corporal e sócia do CicloFemini.

Por sua vez, a jovem Aline Cavalcanti representando a Pedalinas.org,levou um pouco da sua experiência sobre a bike na cidade, como meio de transporte.

E foi nessa parte do evento, entre vários assuntos tratatos relativos ao tema, que surgiu um debate muito salutar sobre o uso do capacete como um ítem obrigatório, conduzido de forma respeituosa não só entre os palestrantes e o intermediador da SHIMANO, bem como da participação acalorada do púbico que lotava o ambiente, enriquecendo o evento como um todo.

Não se poderia deixar de mencionar que no antes do inicio do debate, o Sr. Frederico Barbosa, Supervisor de Ações Culturais da Casa das Rosas,que depois de informar que o local foi transformado num centro de poesia e literatura, generosamente declamou uma poesia de Vinicius de Moraes, intitulada "Balada das meninas de bicicleta", cujo vídeo carinhasamente a "Nóis na Fita A TV" gravou para os bikersnautas antenados.



Próximo CICLO-DEBATE

13/7 – A Imprensa e a bicicleta

Convidados/palestrantes: Rodrigo Burgarelli (repórter - O Estado de São Paulo) e Leandro Valverdes (jornalista e cicloativista).