quinta-feira, 27 de outubro de 2011

FELIZES: CICLISTAS COMPLETAM METADE DA BRASIL RIDE

26 de outubro - O quarto dia de competição da Brasil Ride, principal Ultramaratona de MTB da América Latina ficou marcada pela grande beleza do trajeto, tanto pelas trilhas, quanto do visual, em que os atletas puderam avistar o pico do Barbado com 2033 metros de altitude, o ponto mais alto do nordeste brasileiro.


Neste momento da prova, os ciclistas já percorreram 273.9 km, praticamente a metade do percurso total de 602.9km. A quarta etapa teve um percurso de 81.5 quilômetros, que foi bastante elogiado pelos
atletas, assim como toda organização."É o melhor evento que já participei na vida, o lugar é lindo e as pessoas tem um ótimo coração," cometou o italiano Piero Pellegrini, parceiro de Annabela Stropparo, após cruzar o pórtico de chegada, que ficaram na segunda colocação atrás da dupla Ivonne Kraft e Mateus Ferraz, que venceram oficialmente a etapa, já que o casal Brian e Jennifer Smtih, chegou em primeiro lugar , mas já nãodisputam mais o título depois da desistência na segunda etapa.
Os primeiros a chegar na cidade de Rio de Contas, no entanto, foram os profissionais da categoria Open (masculino). Assim como nas etapas anteriores, Luís Leão Pinto & Alejandro Dias (Team Spano-Luso) e Kristian Hynek & Robert Novanty travaram uma batalha do início ao fim. Melhor para os ciclistas da República Tcheca que atacaram no trecho final e conseguiram abrir uma pequena margem de distância dos adversários. O intervalo de tempo foi o suficiente para eles vestiram a camisa de líder, esquentando a briga pelo título 2011.

Na categoria máster, os brasileiros Abraão Azevedo e Paulo Freitas venceram pela segunda vez na prova e abriram uma enorme vantagem sobre os suíços Barti Bucher e Hansjuerg Gerbe, que tiveram um problema mecânico com a roda quebrada no meio de percurso, mas conseguiram completar o percurso perdendo tempo precioso, assim os brasileiros assumiram a camisa de líder.

Na disputa entre os brasileiros também ocorreram mudanças. Os novos ciclistas a vestir a camisa branca (melhor equipe do Brasil na prova) são Hugo Prado e Douglas Neto, que cruzaram a meta na quinta colocação geral, com boa distância de Josemberg "Montoya" e "Catalão", até então líderes depois que precisaram parar porque Raphael passou mal no meio do caminho.

Na categoria feminina, Adriana Nascimento e Sabrina Gobbo obtiveram a quarta vitória consecutiva e seguem firmes rumo ao título da Brasil Ride 2011. O forte calor elevou novamente a sensação térmica para acima dos 40ºC, tornando-e um grande desafio para atletas e staffs, que tem o cuidado de oferecer bebidas geládas em todo os pontos de apoio do percurso, graças aos caminhões refrigerados.

Segundo os mountain bikers, o momento mais divertido foi a trilha de apro imadamente 7 quilômetros de extensão em mata fechada, que levou a competição sentido o povoado de Arapiranga. "Hoje foi um dia muito prazeroso. A organização preparou um downhill até Arapiranga alucinante! Coisa linda! Parecia trilha gringa tipo Whistler (Canadá). Inacreditável a trilha que descemos. Um evento maravilhoso!", comentaram Gustavo Astolphi e Marcelo Sampaio, da equipe Pedal Urbano/Specialized.

O quinto dia da Ultramaratona de MTB na Chapada Diamantina continua em sua segunda base, disputada ao longo da Serra das Almas, num percurso de 95 km e 1.750 metros de desnível acumulado. No final da etapa os atletas serão agraciados com o belíssimo visual da Cachoeira do Brumado.


Brasil Ride tem o patrocínio da RC Bikes, Shimano e TAP Portugal. Para resultados completos e fotos,
acesse: www.brasilride.com