quinta-feira, 6 de outubro de 2011

Feras do Moutain Bike arrassam no XTERRA ENDURANCE apresendo pela NORTH FACE em Ilha Bela

A bela e solteiríssima biker Elaine Cristina Pichiliani não se intimidou às muitas condições adversas e terminou os 50 km de puro perrengue na  colocação na sua categoria, bem cruzou a linha de chegada na 50ª posição entre os 93 atletas presentes ao magnífico evento esportivo.

Por outro lado, entre os homens, o biker Marcelo Sinoca Domingues além de figurar na   8ª posição no geral, venceu brilhantemente na categoria de 20 a 24 anos do XTERRA ENDURANCE 50K, mostrando que o ciclismo leva a bons resultados em outras modalidades esportivas.

Informações
Data: 24/09/2011

Modalidade: Night Run

Etapa: XTERRA BRAZIL TOUR - Ilhabela
Cidade: Ilhabela - SP
Local: Praia do Perequê

Distância: 9 km, 18km ou 50 km
Descrição

A XTERRA Endurance é uma corrida noturna em trilha. Com proposta diferenciada, é uma nova opção para os amantes da corrida experimentarem a aventura de correr na mata e no escuro, passando por vários obstáculos naturais.

Fonte: http://www.xterrabrasil.com.br

NORTH FACE apresenta XTERRA ENDURANCE

O mais importante foi acreditar em mim

RELATO X TERRA 50KM, 24 SETEMBRO 2011 – ILHABELA
Há um mês atrás resolvi correr essa prova, mas ainda não tinha noção do que seria. Ganhei de aniversário a inscrição da Suum e também apoio da Kailash.

Sexta-Feira; recebo um telefonema de uma pessoa que não sabe que participo esporte. “Elaine, você está bem? Sim. Por quê? É que sonhei com você. Hum! Você estava no carro, pediu para parar e entrou no meio do mato e sumiu por horas; de repente aparece carregada por 2 homens, toda suja de lama, desmaiada e te levamos ao hospital. Por isso te perguntei, você está bem? Estou sim, obrigada e um ótimo fim de semana para você também”. Imagina meu psicológico antes da prova.

O sábado amanheceu nublado, com chuvinha fina, vento gelado e frio, muito frio na minha barriga. Preparativos finais e quase surtei antes de sair, mas minha equipe de apoio, Tati, Tábata Pat, me ajudou a relaxar e tudo certo, ou quase, afinal aquelas dúvidas sempre aparecem: manga longa ou curta, gel de chocolate ou banana, mp3 sim ou não, meia rosa ou roxa...

Larguei Às 16:00 e pensei: eu sou doida, mas e as outras 14 mulheres? Tem louca para tudo. No começo estava empolgada e depois diminuí, graças ao Vavá que me explicou fisiologia do exercício nos primeiros 15minutos de corrida, uma verdadeira aula. Depois tive a companhia do Tani que ditou ritmo na subida e fechamos os 15km em 1:30. A noite caiu e a chuva também. Depois de subir os 700m, estava na hora de despencar até a praia e nessa hora encostei numa atleta, e outros 2 homens, afinal; eu não queria ficar sozinha ali e foi bom, pois tive que aumentar o ritmo para aproveitar a iluminação deles. Entramos na trilha, a chuva aumentou, muita lama, neblina, pedras, raízes, rios, trecho bem técnico, mas muito divertido.

Cheguei em Castelhanos, km 30, com 3:21 e não consegui comer nada no apoio, parei por uns 30 segundos, peguei água e segui. A pior subida da prova foi uma trilha, bem íngreme e nessa hora chovia muito forte. Depois a estrada de terra onde a dor foi mais forte que a diversão. Sentia a lombar arder e novamente estava com aquela atleta. Terminamos de subir e morro abaixo mais uma vez. Nos 15km finais não olhei tempo, nem me preocupei com outros atletas, só corri pensando na chegada. A dor nas costas passou, mas começou a doer o abdômen. Na verdade, começou a doer tudo. No último km, já na cidade, passou 1 filme na minha cabeça e só agradeci a Deus por tudo.

A prova foi bem dura, mas eu adorei. A melhor parte foi estar no meio de amigos e na chegada receber aquele abraço! Terminei os 50km em 6:11 e fiquei feliz da vida. O mais importante foi acreditar em mim, lembrar de como superei as dificuldades e que venha o próximo desafio. NEVER STOP EXPLORING!

Elaine C. Pichiliani
Veterinária e atleta amadora de aventura


24 DE SETEMBRO - MARCELO SINOCA E OS 50K DA THE NORTH FACE ENDURANCE
 
Veja o relato de Marcelo Sinoca, atleta da The North Face, falando sobre a THE NORTH FACE ENDURANCE e como foi correr os 50k, a preparação e as reais dificuldades de uma prova na serra, trilhas, chuva. Só pra quem nunca para de explorar!

Menos de um mês da largada, a Raphaela da The North Face me manda um e-mail, mais ou menos assim: “Sinoca, qual seu RG para a inscrição dos 50k da The North Face Endurance?”. Eu que sou movido a desafios, rapidamente respondi: “OK OK OK! Segue o RG! (risos)”. A partir daí mudei toda planilha de treino para um bom desempenho nessa prova “casca dura”.

O tempo passou… e… cheguei em Ilha Bela às 07h00 do sábado e fui direto para o hotel, onde conheci duas pessoas com o DNA da The North Face, Cessar Grosso e Raphael Bonatto. Conversamos, tomamos café e, em seguida, fui descansar um pouco. Durante a tarde fiquei no stand da TNF pensando sobre a corrida, revendo os amigos e fazendo novos também.

15h50! Hora de aquecer! Gel ok, cápsulas de sal ok, head lamp ok, Single Track The North Face ok, pernas ok, cabeça ok! Finalmente chegou a hora!

Largamos às 16h02min com tempo nublado e sem vento. Mas as condições perfeitas não duraram muito tempo. Na segunda hora de prova, a chuva estava firme e pelo visto continuaria até o final dos difíceis 50km de bate-volta na Praia de Castelhanos, que na teoria parece fácil, mas na prática é bem diferente: 9k de subida + 9k de descida, seguida de mais algumas trilhas por Castelhanos. E na volta, tudo de novo!

Até o km 35 estava entre os 4 primeiros, mais o ritmo caiu por vários motivos, e assim, perdi algumas posições. No entanto, toda essa experiência transforma-se em combustível para os treinos das próximas provas. Conclui a prova em 8º lugar no geral e em 1º na categoria de 20 a 24 anos, com o tempo de 5h02min.

Gostei muito do percurso, da lama, da chuva e das dificuldades em geral. Tenho certeza que os que viveram essa experiência já queiram repetir uma prova como esta.

Obrigado aos staffs e a todos os participantes.

Obrigado THE NORTH FACE. NEVER STOP EXPLORING!


Agora e focar e treinar, para o próximo desafio:

Dia 15 de outubro, CHILE – ENDURANCE CHALLENGE THE NORTH FACE

80K DE MONTANHA COM ASCENSÃO DE 4500MTS.

http://www.ultramaratondelosandes.cl/