segunda-feira, 12 de dezembro de 2011

Milhares de ciclistas participaram do 3º Passeio Cicloturístico - Rota Márcia Prado

Graças ao esforço incondicional da CicloBR , aproximadamente 3.000 ciclistas puderam pelo terceiro ano consecutivo participar do 3º passeio cicloturístico da Rota Márcia Prado, com saída no inicio da Ciclovia da Marginal de Pinheiro em São Paulo, até a cidade litorânea de Santos, mesmo sob chuva intensa durante quase todo o dia do último sábado, dia 10 de dezembro.

A MASSA CRÍTICA, ou seja, os milhares e milhares de ciclistas em liberdade, sem nenhum tipo de restrição de idade, tipo de bicicleta ou de qualquer taxa ou contribuição, percorreram na sua grande maioria os 100 quilômetros previstos, em clima de intensa festa e maravilhosa confraternização, todos orientados pelos mais de 40 voluntários da CicloBR.


O Professor Arnaldo, Editor Chefe da "Nóis na Fita A TV", que sempre se considerou um membro da Massa Crítica, teve a oportunidade de conversar com o camarada  Jorge E. Hime Somers, um dos voluntários, que fizeram o passeio acontecer.





A "Nóis na Fita A TV" conseguiu conversar com muitos grupos organizados, que vieram de diversas cidades do interior do Estado de São Paulo, entre eles a galera do Hexa Bikers de Cabreúva e a fantástica turma da Sorocaba Bikers:



Festa na primeira Balsa na Ilha do Bororé

A chuvarada lavou a alma dos centenas de ciclistas que se espremiam para caber na travessia da primeira balsa, tudo isso sob olhares atônitos dos poucos motoristas, presos em seus veículos poluidores, como todos, esperando o momento de cruzar a represa:



O Apoio Neutro da FERNANDO BIKES

Dentro do espírito solidario da MASSA CRÍTICA, o nosso camarada Fernando Souza, da Fernando Bikes, além de oferecer apoio técnico aos ciclistas, ainda ofertou a cada um dos bikers um adesivo comemorativo do 3º Passeio Cicloturístico - Rota Márcia Prado 2011, perto da travessia da segunda balsa.




A Imigrantes é nossa! (Massa Crítica)

Terminada as trevessias da duas balsas, finalmente a Massa Crítica chegaram à Rodovida Imigrantes. A Policia Rodoviaria juntamente com os voluntários da CicloBR colaboraram no posicionamento dos quase 3.000 ciclistas no acostamento, visando garantir a integridade física de todos.



Estrada da Manutenção da Rodovia Imigrantes
Finalmente o percurso da Massa Crítica pela Estrada da Manutenção da Rodovia Imigrantes, realizada pelos milhares de bikers debaixo de intensa chuvarada:



Não deixe de curtir dezenas de fotos da Massa Crítica no 3º Passeio Cicloturístico Rota Márcia Prado DEZ 2011 :



A Sabesp com o seu mata-sede foi lá com caminhão, que tinha torneiras para todos encherem o seu cantil, garrafa e camelback. Não faltou água pra ninguém. Parabéns à SABESP pela presença; os ciclistas com sêde agradecem! - afirmou feliz da vida o voluntário Jorge E. Hime Somers.

Depois de algumas semana na luta, de ouvir negativas de secretários estaduais, Ecovias e etc, de gente que não acredita na bicicleta como meio de transporte, politicos velhos em seus escritórios decadentes, sem luz do sol, conseguimos! Depois de semanas com nervos a flor da pele, dores de barriga, de cabeça, muita pressão e terrorismo por conta das autoridades de São Paulo, conseguimos Foram 2878, número oficial da contagem que fizemos dos ciclistas que percorreram a Rota Márcia Prado, em baixo de chuva, na lama, na burocracia, no frio em pleno dezembro, conseguimos!

Não sou o cara,(...), enfim, são tantos que não são os caras, mas somos sim "O TIME", um pessoa só não faz verão, mas 2878 sim, faz bem mais que um verão.

Sentimento de missão cumprida!


Parabéns e muito obrigado a todos os voluntários que, mesmo embaixo de chuva sairam de suas casa por volta das 3:00 da manhã, com uma missão bem dificíl e a cumpriram em plenitude, eramos poucos, mas eramos "sangue".

Parabéns e muito obrigado aos que pedalaram pela Rota Marcia Prado mais este ano, guerreiros das bikes, da lama, da chuva, dos bloqueios inevitáveis. Viva a bike, e ano que vem tem mais! - complementou Daniel Labadia .


No dia 08 de agosto de 2009 nasceu o Instituto CicloBR. Alguns amigos com uma causa em comum se reuniram para fundar o Instituto CicloBR de Fomento a Mobilidade Sustentável, que tem como missão trabalhar para que cada vez mais pessoas possam ter o direito de se deslocar sem a dependência dos insustentáveis motores, ou mesmo poder usar dignamente o transporte público, algo que no Brasil está longe de ser uma realidade.