domingo, 25 de março de 2012

Rubens Donizete vence a etapa de Araxá da Copa Internacional de Mountain Bike e dá primeiro passo rumo a Londres

Nota da redação de "Nóis na Fita A TV": Não perca ainda hoje, "animal" Vídeos-Reportagem das intensas emoções vividas aqui em Araxá, com cobertura especial do Professor Arnaldo

Neste domingo, 25 de março, foi disputada a primeira etapa do ano da Copa Internacional de Mountain Bike, em Araxá, no complexo do Grande Hotel, no formato de Cross Country. A competição conta pontos para as Olimpíadas de Londres, que ocorrem ainda neste ano. Mais de 1000 ciclistas prestigiaram o evento. A próxima etapa será em São Lourenço, nos dias 5 e 6 de maio.

O circuito do Cross Country é de 6km. Os atletas da Super Elite masculina dão cinco voltas, enquanto as competidoras da Elite Feminina correm por quatro voltas.

Durante 30km de subidas, descidas radicais e encontrando muitos obstáculos em seu caminho, Rubens Donizete, de tal lugar, chegou na primeira colocação da Elite Masculina e somou 70 pontos em busca da vaga para disputar o Cross Country nos Jogos Olímpicos de Londres. Frederico Mariano, Uberaba-MG (que ficou com o título da Sub23), e Henrique Avancini, Petrópolis-RJ, foram segundo e terceiro colocados, respectivamente. No Sub23, além de Mariano no topo do pódio, Douglas Neto e William Alexi ficaram em segundo e terceiro.

- Uma prova muito importante dentro do calendário, com um nível muito alto e também desgastante. As Olimpíadas de Londres são um sonho e ser um top 10 é minha motivação neste ano – disse o campeão.

Argentina domina final de semana

No feminino, não teve surpresas. Favorita e conhecedora de cada cantinho das pistas de Araxá, Noelia Margaria, da Argentina, ficou com o bicampeonato no Cross Country no complexo do Grande Hotel de Araxá. Além disso, a argentina também ganhou a Sprint Eliminator no sábado, 24. Erika Gramiscelli, de Belo Horizonte-MG, e Raiza Goulão, de Pirenópolis-GO, ficaram nas segundas e terceiras colocações, respectivamente.

- A pista em Araxá tem muitas elevações, mas eu gosto. Fui muito forte na primeira volta e abri vantagem. Agora no Pan do México eu vou dar trabalho – disse a gringa.

Sprint Eliminator

Na manhã do sábado, 24 de março, foi disputada a prova de Sprint Eliminator – baseada na velocidade -, nas modalidades feminina e masculina, no Grande Hotel de Araxá, em uma pista de aproximadamente 600 metros. Foi a primeira vez que a prova foi disputada em solo sul-americano, valendo, inclusive, pontos para a Copa Internacional de Mountain Bike.

O brasileiro Luiz Henrique Cocuzzi faturou a disputa masculina. O vice-campeão foi Dario Gasco, da Argentina, com Nicolas Prudencio, do Chile, e Douglas Neto ficando na terceira e quarta colocações, respectivamente. Já no feminino, Noelia Margaria levou o Sprint Eliminator. Florencia Espiñeira, do Chile, terminou na segunda colocação, com a equatoriana Alexandra Serrano e a brasileira Valéria Aparecida da Conceição na terceira e quarta posições, respectivamente.

Números

Os 55000 km² do complexo Tauá Grande Hotel de Araxá receberam 1129 atletas durante o fim de semana da Copa Internacional de Mountain Bike (CIMTB). São 1062 homens e 67 mulheres que disputaram 23 categorias. Teve gente de todas as idades! Na categoria Mirim, Gabriel Simão, de apenas 2 anos, competiu para mostrar que não só anda sobre as duas pernas, como também já pedala sobre duas rodas. Na categoria Over-60, Valdemar França, aos 67 anos veio do Distrito Federal para cumprir o trajeto. Mas tem gente que veio de mais longe para correr o percurso de 6 km. O gaúcho Guilherme Wilhelms é o participante brasileiro que mais percorreu quilômetros para chegar ao Circuito das Águas de Araxá. Vindo de Taquaral, no Rio Grande do Sul, Guilherme cruzou 1588 Km para chegar na terra de Dona Beja. Mas os gringos provam que também não têm medo de grandes distâncias. A CIMTB recebeu, nesta etapa, 6 chilenos, 4 argentinos e 1equatoriano.
Veja os vencedores do dia no Cross Country da Copa Internacional de Mountain Bike:

Copa Centauro de Amadores
Expert: Gabriel Henrique de Souza – São Gonçalo do Pará-MG – tempo: 01h:04min:07 – 3 voltas
Cadete: Simão Josimar – São Thomé das Letras - MG – tempo: 01h:03min:32s – 3 voltas
Veterano: Anderson Tavares – Cabo Frio - RJ – tempo: 44min:28s – 3 voltas
Militar: Geovanny Jesus Pinto – São Gonçalo do Pará - MG – tempo: 46min:12s – 2 voltas
Feminino Sub23: Bruna de Moura – Caraguatuba - SP – tempo: 25min:43s – 2 voltas
Feminino Sub40: Flávia Martins Machado – Belo Horizonte – tempo: 56min:13s – 2 voltas.
Feminino Over40: Raquel Gontijo – Belo Horizonte-MG – tempo: 57min23s – 2 voltas.

CIMTB
Sub15: Higor Silva Ferreira – Lavras – MG – tempo: 47min20s – 2 voltas
Sub17: Lucas Tadeu Dias – Ribeirão das Neves – MG – tempo: 57min24s – 3 voltas
Júnior (94/95): Nícolas M Sessler – Ribeirão Preto – SP - tempo indisponível
Sub30: Caio Melo Paixão – Bom Despacho – MG - tempo indisponível
Sub35: César Gonçalves Moura – Uberlândia – MG - tempo indisponível
Sub45: Abraão Assis de Azevedo – Brasília –DF – tempo: 1h20min45s – 4 voltas
Sub50: Luiz Lotti Neto – Poços de Caldas – MG – tempo: 1h04min01s – 3 voltas
Sub55: Sérgio Eduardo de Albernaz – Brasília – DF – tempo: 45min38s – 2 voltas
Sub60: Dilermando de Fátima Melo – Divinópolis –MG – tempo: 47min10s – 2 voltas
Over60: Hélio Vilela de Carvalho – Brasília – DF – tempo: 51min:01s – 2 voltas
PNE (Paradesportista): Izaias Daniel da Costa – Divinópolis – MG – tempo 24min04s – 1 volta
Super Elite Masculina: Rubens Donizete – Guaxupé – MG – tempo: 01h30min:35s
Elite Feminina: Noelia Margaria – Argentina – tempo: 01h:29min:15s