domingo, 16 de setembro de 2012

Brasil fecha participação no Mundial de Mountain Bike Máster com 23 medalhas


Artigo final do Mundial de MTB Máster
Foram cinco de ouro, nove de prata e nove de bronze

Fotos de Eduardo Schaucoski
O Brasil garantiu mais uma medalha no Mundial de Mountain Bike Máster que terminou hoje em Balneário Camboriú. A última conquista brasileira no evento foi do fluminense Damiano da Silva Militão, de Friburgo. O atleta de 32 anos faturou a medalha de prata na categoria 30-34 anos, que reuniu 64 atletas.

Militão, professor de Engenharia Mecânica na Universidade Estadual do Rio de Janeiro, dedicou a medalha a toda a população de Friburgo, que em 2011 foi vítima da maior catástrofe natural registrada no Brasil. “Ser campeão mundial era um antigo sonho. Dedico essa conquista ao povo de minha cidade e espero que essa medalha traga um pouco de alegria depois de tudo o que passamos no ano passado. Perdi muito amigos e algumas muitas trilhas onde eu treinava, simplesmente desapareceram com a tragédia”, lembrou o medalhista.

A medalha de ouro ficou com o italiano Fabio Zampese, de 30 anos, que se emocionou com a conquista do seu primeiro título mundial no Brasil. Zampese completou as seis voltas em 1h41min28s.

“Estou contentíssimo com minha vitória. Estou realizando um sonho aqui hoje no Brasil. Gostei muito da prova, a organização foi 100% perfeita”, elogiou Zampese, atual campeão italiano e que assumiu a liderança na segunda volta e administrou a vantagem até o final.

A medalha de bronze ficou com o venezuelano Tony José Castro Ojeda, décimo colocado na edição 2011.

RECORDE DE MEDALHAS

O Brasil fechou a participação no evento com um total de 23 medalhas, 10 a mais que no ano passado. Esse ano, o Brasil terminou com cinco medalhas de ouro, nove de prata e nove de bronze. Em 2011 foram 10 medalhas para o Brasil.

Em três dias de competições, 550 atletas de 23 países batalharam pelas 60 medalhas em disputa nas 20 provas realizadas no Parque Unipraias.


O evento foi organizado e realizado pela Federação Catarinense de Ciclismo pelo terceiro ano consecutivo no Parque Unirpraias em Balneário Camboriú e serviu para definir os campeões mundiais nas modalidades de downhill e cross country para os atletas com mais de 30 anos.

Em 2013, o Mundial de Mountain Bike Máster será realizado na África do Sul.

RESULTADO


CATEGORIA – 30-34
OURO – Fabio Zampese – Itália -
PRATA – Damiano da Silva Militão - Brasil
BRONZE – Tony José Castro Ojeda - Venezuela

TODOS OS RESULTADOS ANTERIORES

CROSS COUNTRY MASCULINO


CATEGORIA – 35-39
OURO – Mássimo Folcarelli - Itália
PRATA – Marconi Soares Ribeiro - Brasil
BRONZE – Joseilton “Paraíba” Gomes - Brasil


CATEGORIA – 40-44
OURO – Manfredi Zaglio - Itália
PRATA – Abraão Azevedo - Brasil
BRONZE – Nico Pfitzenmaier – África do Sul


CATEGORIA – 45-49
OURO – Jean Paul Stephan - França
PRATA – Joselin Savedra - Colômbia
BRONZE – Rafael Ricardo Garrido Rodriguez - Venezuela


CATEGORIA – 50-54
OURO – Jean Malot - França
PRATA – Carlos Alfonso Muñoz Rivera - Colômbia
BRONZE – Balthazard Patrick – França


CATEGORIA 55-59
OURO – Benny Anderson - Suécia
PRATA – Robert Anderson - Canadá
BRONZE – Dilermano Fátima Melo – Brasil

CATEGORIA 60-64

OURO – Hélio Vilela de Carvalho - Brasil
PRATA – Gerard Bertrand - França
BRONZE – Evilásio Wielewski - Brasil

CATEGORIA 65+

OURO – Christian Jupillat - França
PRATA – Valdemar França Soares - Brasil
BRONZE – Guy Durand – França

CROSS COUNTRY FEMININO


CATEGORIA 30-34
OURO – Fabíola Ariana Tucci Ron - Venezuela
PRATA – Márcia Alejandra Carreaquel - Venezuela
BRONZE – Graciela Vargas - Argentina

CATEGORIA 35-39

OURO – Carina Renné Olalla - Argentina
PRATA – Lorena Carina Fernandez - Argentina
BRONZE – Yanis Hernandez Quintero - Venezuela

CATEGORIA 40-44

OURO – Samira Todone - Itália
PRATA – Christine Irelan – Estados Unidos
BRONZE – Florência Padilla - Argentina


CATEGORIA 45-49
OURO – Maria Alejandra de Bernardi - Argentina
PRATA – Jacqueline Edith Brugnoli - Argentina
BRONZE – Luisa Saft - Brasil


CATEGORIA 50+
OURO – Gjertrude Boe - Noruega
PRATA – Raquel Gontijo - Brasil
BRONZE – Rita Maria Cerutti – Argentina

DOWNHILL MASCULINO


CATEGORIA 30-34
OURO – Robert Sgarbi – Brasil – 2min17s33
PRATA – Ruben Castro Carril – Espanha – 2min19s95
BRONZE – Anderson Luis Robl – Brasil - 2min19s97


CATEGORIA 35-39
OURO – Sebastian Vasquez – Chile – 2min19s72
PRATA – Alcides “Juninho” Cruz – Brasil – 2min20s42
BRONZE – Carlos Castillo – Costa Rica – 2min23s10

CATEGORIA 40-44

OURO – Matt Thompson – EUA – 2min24s22
PRATA – Lars Tribus – EUA – 2min24s97
BRONZE – Ayr Assis Freitas – Brasil – 2min28s68


CATEGORIA 45-49
OURO – Miguel Caldas Giovanini – Brasil – 2min25s96
PRATA – Luiz Antonio Archer – Brasil – 2min34s75
BRONZE – Francisco Innamorato – Brasil – 2min37s79


CATEGORIA 50+OURO – Benoit Fellay – Suíça – 2min38s44
PRATA – Jean-Fred Tissot – Suíça – 2min59s64
BRONZE – Rofolfo Martinez Roulet – Argentina – 3min00s47

DOWNHILL FEMININO


CATEGORIA 30-34

OURO – Patrícia Loureiro – Brasil – 2min50s13
PRATA – Vanessa Azevedo – Brasil – 2min56s10
BRONZE – Patrícia Valenti – Brasil – 3min28s06


CATEGORIA 35-39
OURO – Gilmara Leiner – Brasil – 3min33s96
PRATA – Luiza Lobato – Brasil – 6min04s83
BRONZE – Regiane Sales – Brasil – 8min56s41

O Campeonato Mundial de Mountain Bike Máster foi realizado pelo 3º ano consecutivo em Balneário Camboriú e reuniu atletas de 23 países.
No próximo ano, o evento será realizado na África do Sul.

Mais informações, fotos e resultados completos no site oficial do evento www.ciclismosc.com.br