quinta-feira, 18 de outubro de 2012

Brasil Cycle Fair 2012 registra público de 5.500 pessoas

Feira de bicicletas
A Brasil Cycle Fair 2012 foi um sucesso. Em conversas com lojistas, visitantes, expositores, atletas e imprensa, este era o sentimento comum. Em três dias de evento, pouco mais de 5.500 pessoas estiveram presentes no Centro de Exposições Imigrantes, em São Paulo-SP, a fim de desenvolver parcerias e realizar negócios – tudo para trazer o melhor do mundo das bicicletas ao consumidor brasileiro.
Últimos Flashes da "Nóis na Fita A TV" 
...e os amigos do Professor Arnaldo Farias II - Brasil Cycle Fair




Só no primeiro dia de evento foram mais de 3.000 profissionais do mercado ciclístico nacional. À disposição deles, 90 estandes com todo o tipo de produto relacionado a bicicletas: altíssima tecnologia, peças de alto rendimento, componentes desenvolvidos com tecnologia 100% brasileira, bicicletas para uso urbano e infantis, vestuário e alimentação.
Tudo isso em mais de 11 mil m² de área total, incluindo restaurantes e áreas comuns. Para alguns lojistas, a Brasil Cycle Fair superou as expectativas.
“Na minha opinião, é a melhor feira de bicicletas que eu já visitei. Muita novidade e o evento foi o lugar perfeito para conhecer melhor os produtos e fazer ótimos negócios”, comentou Glauber Marques, proprietário de uma loja especializada em Jacareí-SP.
Para os expositores, os resultados da Brasil Cycle Fair puderam ser comprovados ainda durante a realização da feira de negócios.
“O público que veio para a Brasil Cycle Fair foi muito qualificado, o que ajudou no nosso foco de desenvolver novas parcerias e realizar ótimos contatos. Foi um grande evento, de altíssima qualidade”, disse Daniel Bender, da Hupi Bikes.
Palestras – O Ciclo de Palestras Técnicas também foi um sucesso. Mais de 800 pessoas participaram dos workshops promovidos por Cannondale, LM Bike, Proparts e Shimano, com foco em tecnologias e inovações dos lançamentos 2013.
Debate – No último dia de evento foi realizado um painel com foco em mobilidade urbana. A conversa teve como tema “Cultura, Fomento e Infraestrutura – A bicicleta nas cidades”.
O painel foi mediado pelo fotógrafo e gestor público Daniel Guth e teve como debatedores Renata Falzoni, José Police Neto, Presidente da Câmara Municipal de São Paulo; Eduardo Jorge, Secretário Municipal do Verde e Meio Ambiente; Isabel Sales de Melo Lins, Secretária Nacional de Transporte e da Mobilidade Urbana do Ministério das Cidades; e Willian Cruz, cicloativista e criador do site Vá de Bike.
A feira - A Brasil Cycle Fair é idealizada e organizada pela Aliança Bike, com apoio da Abradibi (Associação Brasileira dos Fabricantes, Distribuidores e Exportadores e Importadores de Bicicletas, Peças e Acessórios), e é promovida pela Promovisão.
A receita gerada pelo evento será revertida em ações em prol do mercado brasileiro de bicicletas.
FOTO: Entrada da Brasil Cycle Fair – primeiro dia
CRÉDITO OBRIGATÓRIO: FOTO ANDRES
A Aliança Bike é uma entidade que trabalha para o crescimento do mercado e tem como objetivo construir uma voz representativa, atuando como um agente de desenvolvimento para o crescimento sustentável do uso de bicicletas.