quinta-feira, 11 de abril de 2013

Seleção do Uruguai vai disputar o Tour de Santa Catarina


No total, competição terá 14 equipes na disputa
O Uruguai, país com grande tradição no ciclismo, confirmou nesta quarta-feira (10 de abril) que vai disputar o Tour de Santa Catarina. A seleção uruguaia comparece com os atletas Richard Eustaquio Mascaraña Granada, Ignácio Raúl Maldonado Sánchez, Mariano Ceferino de Fino Silveira, Héctor Fabián Aguilar Figueira, Sixto Nicolás Núñez Oliveira e Bilker Bill Castro Gularte.
As mais importantes equipes do ciclismo nacional vão marcar presença na 24ª edição do Tour de Santa Catarina. No total, 14 times estão na disputa da prova, que será realizada entre os dias 16 e 21 de abril. Entre as equipes brasileiras, mais uma confirmou presença: a AFC Diroma Farroupilha (RS).
A competição vai reunir os líderes do ranking brasileiro. O Clube DataRo de Ciclismo, de Cascavel (PR), a equipe São Francisco Saúde/Powerade/Botafogo, de Ribeirão Preto (SP) e a Funvic/Brasilinvest/Marcondes César/Caloi, de São José dos Campos, já confirmaram suas escalações.  
“O Tour de Santa Catarina sempre contou com uma resposta positiva das equipes e dos ciclistas”, avalia João Carlos Andrade, presidente da Federação Catarinense de Ciclismo (FCC), organizadora da competição. Como a prova está em ritmo de retomada, já que não foi realizada nos anos de 2011 e 2012, a expectativa é alta. “O Tour de Santa Catarina é uma competição clássica que atrai os atletas por causa de seu alto nível técnico e das etapas desafiadoras, como a célebre escalada da Serra do Rio do Rastro”, completa Andrade.


AS 14 EQUIPES NA DISPUTA

Seleção do Uruguai
Clube DataRo de Ciclismo (Cascavel – PR)
Funvic/Brasilinvest/Marcondes César/Caloi  (São José dos Campos – SP)
Memorial/Prefeitura de Santos (Santos – SP)
Avaí FC/FME/Florianópolis/APGF (Florianópolis – SC)
Penks/Vzan/DKS Bike/Maxxis/Calypso/New Millen (Santo André_SP)
Brucicle/FM.E.Bruesque/Moofy (Brusque-SC)
Hidrorepell Tintas/FME/Bike Point (Criciúma – SC)
FW Engenharia/Pref. Madalena/Aços Mil/Amazonas Bike (Madalena – RJ)
Seleção Oeste/Chapecó (Chapecó – SC)

Funvic/Brasilinvest/Marcondes César/Caloi/São José dos Campos
São Jose dos Campos (SP)
Diretor técnico: Francisco Manzo



Atletas:


Tiago Fiorilli
Magno Prado Nazaret
Pedro Autran Nicácio
Otávio Bulgareli
Renato Ruiz
Ramiro Cabrera

Memorial/Prefeitura de Santos
Santos (SP)
Diretor técnico: Cláudio Diegues

Atletas
Maurício Morandi
Fabrício Morandi
Soelito Gohr
Maurício Carvalho
Samuel Cassimiro
Foccus Cobranças Team de Ciclismo (Caxias do Sul – RS)

Tupy/Joinville (Joinville – SC)

São Francisco Saúde/Powerade/Botafogo (Ribeirão Preto – SP

AFC Diroma Farroupilha (Farroupilha – RS)

ESCALAÇÃO DAS EQUIPES

Seleção do Uruguai
Atletas:
Richard Eustaquio Mascaraña Granada
Ignácio Raúl Maldonado Sánchez
Mariano Ceferino de Fino Silveira
Héctor Fabián Aguilar Figueira
Sixto Nicolás Núñez Oliveira
Bilker Bill Castro Gularte.

Clube DataRo de Ciclismo/Cascavel/MaxxisCalypso/Vzan

Cascavel (PR)
Diretor técnico: Hernandes Quadri Jr.

Atletas:
Renato Seabra
Renato Aparecido dos Santos
Cleberson de Almeida Weber
Murilo Ferraz Affonso
Lucas Onesco Neto
Thiago Rodrigues da Silva
Armando Camargo
Avaí FC/FME/Florianópolis/APGF
Florianópolis (SC)
Diretor técnico: Diones Chinelatto
Atletas:
Rubem Xavier Mastela
Everson de Assis Camilo
Guilherme Amado Hadlich
Vanderlei Melchior
Edson Luiz de Rezende
Marcos Vinicios dos Santos
Penks/Vzan/DKS Bike/Maxxis/Calypso/New Millen
Santo André (SP)
Diretor técnico: Luiz Carlos Mazzaron
Atletas:
Carlos Henrique Santos
André de Souza Almeida
Joel Candido Prado Jr
Ricardo Andrey Q. Ortiz
José Jailson Diniz
Raul Guilherme Malaguty
Brucicle/FM.E.Bruesque/Moofy
Diretor técnico: Volney José de Morais
Atletas:
David Leite Silva
Adélio Paulo da Silva
Emerson da Silva Santos
Leonardo Vieira Lima
Felipe Cristiano da Paixão Marques
Fabiano dos Santos Mota
Seleção Oeste/Chapecó
Chapecó (SC)
Diretor técnico: Jair Damásio
Atletas:
Rafael Funk
Huandel Alberguini
Dirceu Paulo Raimamm
Diego Roberto Gabrilovski
Kainã Baraldi
Bryan Massucato
Foccus Cobranças Team de Ciclismo
Caxias do Sul (RS)
Diretor técnico: Darmes Labatut
Atletas:
Jonathan Paiva Barbier
Marcio Silveira Lopes
Felipe Fossati Reichert
Elizandro da Silva
Clay Michael Butler
Tupy/Joinville
Joinville (SC)
Diretor técnico: Ed Carlos Tomaschitz
Atletas:
Ricardo Alexandre Pscheidt
Gilberto Veiga de Góes
Luis Henrique Visentainer
Valmor Hausmann
São Francisco Saúde/Powerade/Botafogo
Ribeirão Preto (SP)
Diretor técnico: Marcelo Donabella
Atletas:
Maurício Bielinski Knapp
Gideone Monteiro
Rodrigo do Nascimento
Jeovani Junior de Oliveira
AFC Diroma Farroupilha
Farroupilha (RS)
Diretor técnico: Maurício Pontes da Silveira
Atletas:
Rodrigo Oliveira da Silva
Marcelo Demori
Paulo Ricardo Brum Duarte
Augusto Bordin Koppe
PROGRAMAÇÃO
16 de abril – 16h
Congresso técnico em São Francisco do Sul
17 de abril – Etapa 1 – São Francisco do Sul – Timbó

Largada às 9h. A competição começa no Centro Histórico de São Francisco do Sul, a cidade mais antiga do Estado de Santa Catarina. O percurso de 152 quilômetros atravessa localidades charmosas do Vale Europeu, como Pomerode e Rio dos Cedros, com chegada em Timbó.
18 de abril – Etapa 2 – Timbó – Ibirama
Largada às 9h. A prova entre Timbó e Ibirama tem percurso de 135 quilômetros e passa por localidades como Rodeio e Presidente Getúlio. O grau de dificuldade é considerado médio, já que há trechos de relevo acidentado.
19 de abril – Etapa 3 – Rio do Sul – Urubici
Largada às 9h. Após neutralização entre Ibirama e Rio do Sul, a etapa vai percorrer 143 quilômetros. No trajeto, o pelotão terá de enfrentar duas serras, a primeira em Alfredo Wagner e a segunda na chegada, na Serra do Panelão. Nesta etapa, de grau de dificuldade alto, os ciclistas irão passar de cerca de 200 metros de altitude para 1.200 metros de altitude.
20 de abril – Etapa 4 – Urubici – Bom Jardim da Serra
Largada às 9h. Apesar do percurso menor, de 85 quilômetros, os atletas vão encontrar um relevo de subidas e descidas com alto grau de dificuldade e vão atingir os 1.500 metros de altitude.
21 de abril – Etapa 5 – Serra do Rio do Rastro
Largada às 10h. Com saída em Orleans e chegada em Bom Jardim da Serra, o percurso de 46 quilômetros é o teste derradeiro da competição, com altíssimo grau de dificuldade. Na maioria das edições, o campeão foi definido na subida desta que é uma das mais conhecidas serras do Brasil.