terça-feira, 12 de maio de 2015

BMX: MARIANA PAJÓN É CAMPEÃ EM ETAPA DA COPA DO MUNDO E ASSUME LIDERANÇA DO RANKING UCI

A ciclista colombiana da Shimano conquistou duas medalhas de ouro na Holanda. Fim de semana também teve título na Argentina e resultado expressivo nos EUA
São Paulo (SP) - A colombiana Mariana Pajón (GW/Shimano) dominou a segunda etapa da Copa do Mundo de BMX, disputada no final de semana (9 e 10) em Papendal (Holanda). Mariana conquistou duas medalhas de ouro, uma no contrarrelógio individual e outra por ter terminado a competição na primeira colocação geral.

Com o resultado, a ciclista colombiana ultrapassou a australiana Caroline Buchanan e assumiu a liderança do ranking mundial, com 1600 pontos. A Colômbia permanece em sétimo lugar no ranking das nações, posto que garante duas vagas ao país nos Jogos Olímpicos do Rio de Janeiro, em 2016.

Na mesma competição, o brasileiro Renato Rezende (GT Bicycles/Shimano) terminou em sexto lugar a prova de domingo (10).

Título e vice na Argentina - No Grande Prêmio de Bragado, disputado na Argentina (10/05), o ciclista Sebastián Tolosa, da equipe Continental de Ciclismo Buenos Aires Província, conquistou o lugar mais alto do pódio. O atleta da equipe patrocinada pela Shimano superou Marcos Crespo e Lucas Soldá no spint final.

Também na Argentina, Gabriel Juarez (equipe San Luis Somos Todos) terminou como vice-campeão a etapa do Natalicio Doña Elisa de Mercado realizada em La Rioja.

Resultados expressivos no Tour da Califórnia - Em competição disputada na Califórnia (Estados Unidos), o Itaú Shimano Ladies Power Team conquistou resultados expressivos neste final de semana. A equipe sediada na Colômbia terminou a competição em oitavo na classificação geral. Além disso, Andreina Rivera foi a terceira melhor competidora na categoria júnior, em que Jessenia Meneses terminou na sétima colocação. Rocio Parrado, outra representante do Itaú Shimano Ladies Power Team, ficou em 14º na classificação geral.

Itaú Shimano Ladies Power Team é um time com a classificação máxima dentro da categoria de ciclismo feminino de estrada UCI.