sexta-feira, 11 de novembro de 2016

Arquitetura romana e incriveis belezas naturais marcam o último dia da cicloviagem Bike Tour Puglia


Em alto estilo terminou na belíssima cidade de Lecce, cujo último trecho do percurso em 5 dias de pedal teve sua partida de Otranto, que entre praias e rochedos, brindes e mais brindas das saborosas "birras" italianas.
O último dia de pedal teve seu inicio na cidade de Otranto, uma esplêndida cidade situada na costa do adriático na região do Salento na Itália. Localizada na província de Lecce, é a cidade mais oriental do país, por isso Otranto é considerada a porta do oriente.
Seu centro histórico com ruelas estreitas, becos e labirintos, é tão interessante que foi reconhecido como Patrimônio Cutural pela Unesco em 2010.
"Sua arquitetura impar nos fascina a cada esquina e foi bastante difícil para o grupo ter que tomar a iniciativa de partir para Lecce, ponto final de nossa cicloviagem". inicia o Professor.

"Como praticamente
quase todo o percurso dessa aventura se deu margeando a costa, neste último dia não foi diferente e poderia dizer que foi a "segunda cereja do bolo" dessa cicloviagem, pois ver as águas do mar formarem costões de imensa beleza natural, nos manteve por horas tirando fotos e mais fotos, pois era difícil escolher o melhor ângulo, segundo o nosso fotógrafo profissional Walter Magalhães, que acompanhava o grupo.

Numa das formações rochosas de forma oval, o mar criou uma piscina natural emuitos turistas arriscavam um mergulho ou um banho nas águas geladas da formação de uma beleza fenomenal.
Finalmente, depois de mais de 60 km chegamos ao nosso ponto final da cicloviagem, a cidade de Lecce.

Lecce, fundada há mais de 2000 anos, foi ao longo dos anos parte do Império Romano, do Bizantino, do Normando e do Espanhol. É conhecida como a Florença do Sul devido à riqueza do Barroco em todo o centro histórico, sendo de realçar a Igreja de Santa Croce (Chiesa di Santa Croce) e praça da Catedral (Piazza del Duomo). Possui também importantes ruínas da Roma Imperial, como o anfiteatro do século II d.C.